Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \23\UTC 2009

Eu, ela, tu

Eu, que sem grandes pretenções destinei as mais densas gotas de lágrimas para o seu descaso, corri, fugi e esperneei como quem jamais tolera. Eu, que de tanto viver acabei aprendendo não a ser, mas fazer igual. Eu, que achava impossível tratar alguém assim, de dentro pra fora, pagar o mal com o mal. Eu, que cansei de tentar virar o jogo, me juntei a você. Agora é a minha contra a sua,  até que seja a SUA vez de aprender a deixá-la de uma vez por todas. Ela, a indiferença. Eu, que coloquei sempre você em primeiro lugar, agora me coloco a mim, em segundo ela, que agora é nossa, e em terceiro, talvez, você.

Anúncios

Read Full Post »